quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Imigração brasileira cresce em Portugal

Com um aumento de 2,70% face ao ano anterior, o Brasil mantém-se como a comunidade estrangeira mais representativa, com um total de 119.363 residentes no país lusófono. O  dado publicado no relatório anual dedicado às atividades desenvolvidas no domínio da imigração,fronteiras e asilo (RIFA) do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) de Portugal, mostra também que Ucrânia permanece como a segunda comunidade estrangeira mais representativa (49.505), seguida de Cabo Verde(43.979), Roménia (36.830), Angola (23.494) e Guiné-Bissau (19.817 cidadãos).

Na lista das dez nações com mais imigrantes presentes em Portugal destaca-se ainda a China, com 15.600 pessoas.
Segundo o relatório, a força imigratória das três principais nacionalidades na fronteira externa portuguesa (Brasil, Guiné-Bissau e Angola) tem como principais fatores explicativos as relações histórico-culturais, a língua comum e as significativas comunidades nacionais estabelecidas em Portugal.
Durante o ano de 2010, as autoridades portugueses concederam títulos de residência a 16.165 brasileiros, mas também recusaram a entrada a 1.340 cidadãos provenientes do Brasil.

Um comentário:

Mega Press disse...

Uma ressalva. A maioria dos brasileiros que estão fora do Brasil tem qualificação técnica profissional abaixo da média brasileira, ou seja, mais de 85% dos brasileiros que estão em Portugal não tem qaualificação profissional, o que é muito ruim para o Brasil, pois essa falta de qualificação passa uma imagem negativa do pais fora dele.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...